Notícias

Surg e UniGuairacá firmam parceria visando saúde de servidores

20/08/2021

Pensando em melhorar a qualidade de vida e saúde mental dos servidores, a SURG firmou uma parceria com a Uniguairacá para oferecer atendimento na área de saúde, incluindo o apoio psicológico. Segundo o diretor-presidente da SURG, Halmuth Brandtner, a saúde mental dos colaboradores sempre foi tratada com atenção pela Companhia, mas a pandemia gerou fatores de estresse, medo e insegurança que podem afetar mais os trabalhadores. Dos quase 500 funcionários, 29 fazem acompanhamento psicológico atualmente.

 

“Temos uma psicóloga que está disponível para que os funcionários a procurem. Mas com a pandemia vimos a necessidade de ampliar esses atendimentos e oferecer acompanhamento contínuo, não apenas para o servidor, mas também para sua família”.

 

De acordo com a psicóloga Nayele Brandelero, existe um plantão psicológico de atendimento e a companhia realiza ainda um projeto de educação e saúde mental. “Tentamos conscientizar sobre a importância dos cuidados com a saúde mental e principalmente, desmistificar os transtornos psicológicos, os preconceitos que as pessoas têm, que as impedem de buscar ajuda”, explicou.

 

Convênio

 

Agora, com essa parceria, o colaborador e os familiares de primeiro grau podem usar os serviços de saúde como fisioterapia, odontologia e psicoterapia oferecidos pela Universidade com um custo mais acessível. O convênio paga metade do valor da consulta ou do atendimento e a outra metade é descontada na folha de pagamento.

 

“Quando procurei o Professor Soares da Uniguairacá ele entendeu as nossas dificuldades e colocou a estrutura da universidade à disposição. Graças a essa parceria vamos melhorar o ambiente de trabalho aqui na SURG o que resulta em um trabalho ainda melhor para Guarapuava”, comentou o diretor-presidente.

 

Com a parceria também será possível aos funcionários realizar atendimentos em grupo e participar de palestras e encontros promovidos pela instituição. “Nosso objetivo é simples: promover a visão integral do trabalhador, pensando no seu bem estar como ser humano. Nem sempre os problemas estão relacionados ao ambiente de trabalho, mas impactam diretamente nele, então quando você dá esse apoio ao servidor, consequentemente você tem um funcionário mais feliz, contente e que vai desempenhar seu serviço com excelência”, finalizou Halmuth.