Notícias

Secretaria de Agricultura estimulará a criação de cordeiros por pequenos produtores

04/08/2021

Na manhã desta quarta-feira (4), o prefeito Celso Góes, juntamente com o secretário de Agricultura, Itacir Vezzaro, assinou o termo de cooperação entre o Município de Guarapuava e a CooperAliança, cooperativa agroindustrial que se destaca pela produção de carnes nobres de gado e cordeiros em nossa região. “Essa parceria vai permitir gerar mais mais renda e emprego no campo com a criação de ovinos por pequenos produtores. O mercado está em crescimento e há uma boa demanda nesse segmento”, declarou o prefeito.

 

O projeto de Ovinocultura da Secretaria de Agricultura, SEAGRI, irá estimular a ampliação da criação de cordeiros no Município. Ainda neste ano, devem ser repassados aos participantes 30 lotes de cordeiros, com 31 animais cada, sendo 30 fêmeas e um macho das raças “Ile de France” ou “Texel”. “É um incentivo para a permanência dos pequenos produtores no campo, permitindo a diversificação da renda. Cada um terá a carência de um ano para começar a pagar as parcelas do valor do rebanho, num prazo total de 4 anos, e deve atender aos requisitos técnicos de produção ”, explicou o secretário Itacir.

 

Com a parceira estabelecida, os pecuaristas receberão assistência técnica da secretaria, desde que tenham infraestrutura adequada nas propriedades. A cooperativa, por outro lado, além de auxiliar com a orientação do manejo, irá adquirir cordeiros criados por esse agricultores. “Com essa parceria, auxiliaremos quem tiver interesse na produção de ovinos. Vamos apoiar essa iniciativa para que mais pessoas criem animais com a mesma qualidade e padrão que conquistamos ao longo da nossa história!”, disse o presidente da CooperAliança, Edio Sander.

 

Inicialmente, os animais devem ser vendidos para a CooperAliança logo após o desmame (2 a 4 meses de vida) e produtores cooperados irão terminar de criar, até chegar a hora do abate (terminação).

 

No momento, 6 pequenos agricultores de Guarapuava já atendem aos requisitos mínimos do projeto. “São necessários investimentos na estrutura das propriedades como cercas, pastos, além da alimentação adequada. Mas com o apoio técnico e incentivo, em pouco tempo eles começarão a ter retorno”, enfatizou a veterinária da SEAGRI e responsável pelo projeto, Dhiully Scheleder.

 

A equipe Secretaria de Agricultura está realizando visitas técnicas nas propriedades, mas quem tiver interesse em participar do projeto de Ovinocultura pode procurar a secretaria, que funciona no prédio da Rodoviária Municipal.

 

Após a assinatura do termo de cooperação, o prefeito, acompanhado de secretários e diretores da CooperAliança, conheceu a estrutura da indústria e sede da cooperativa, localizada no distrito de Entre Rios.