Notícias

Secretaria de Agricultura assessora produtores para a criação da Associação dos Produtores Rurais da Comunidade Campina Bonita

15/08/2022

Na última sexta-feira (12), os técnicos da Secretaria de Agricultura estiveram na comunidade de Campina Bonita, no distrito da Palmeirinha, realizando o cadastramento e assessoramento das famílias da localidade na fundação da associação de produtores rurais. A nova associação irá fornecer produtos da agricultura familiar para o programa municipal Feira Solidária. 

 

“Normalmente os pequenos agricultores não têm uma infraestrutura para poder conduzir, poder trabalhar o seu preparo de solo, fazer toda essa condução lá. Então, além da assistência técnica na garantia e ajuda na comercialização dos produtos desde o início das associações, temos também o processo de apoio a eles com máquinas e equipamentos, para que eles possam fazer o preparo de solo com menor esforço, facilitando o plantio e o manejo”, destaca o secretário de Agricultura, Itacir Vezzaro. 

 

A Secretaria realiza, por meio do projeto de incentivo do associativismo, do programa Vida Rural, o assessoramento de comunidades que pretendem cultivar e vender a sua produção para os programas municipais. Para começar o repasse da produção, as famílias da comunidade devem constituir uma associação que irá representá-los. A produção fornecida pelos produtores será retirada a cada 15 dias pela equipe da Carmug (Central de Associações Rurais de Guarapuava).

 

“Esses produtores já são atendidos pela secretaria só que agora querem montar uma associação da própria comunidade. São cerca de 12 produtores que irão fornecer produtos para a feira solidária. Todo esse processo está ocorrendo por meio do programa Vida Rural que contempla vários projetos, dentre eles, o de agricultura, proteção de fontes e incentivo ao associativismo”, explica o diretor do departamento agrícola, Amarildo Antonio Freder.

 

Para o produtor rural que vive há mais de quarenta anos na comunidade, Edevino de Souza, a criação da associação na localidade irá auxiliar as famílias. Ele conta que muitas pessoas vão se dedicar integralmente ao cultivo de verduras que serão entregues ao programa Feira Solidária.  

 

“O nosso plano é ter essa renda como a principal aqui de casa. Pretendemos aumentar a produção de verduras aos poucos e, parando com as outras produções. Com a ajuda da secretaria, estamos nos reunindo para que a nossa associação cresça cada vez mais. Antes, a gente plantava só para o gasto de casa. Hoje, já estamos com três mil e quinhentos pés de verduras”, conta. 

 

Entre os produtos que serão fornecidos pela nova associação estão: alface, acelga, cenoura, mandioca, abóbora, beterraba, além de outras variedades de verduras e legumes. Para o presidente da Associação dos Produtores Rurais da Comunidade de Campina Bonita, Alceu Wachileski, o incentivo da Secretaria foi primordial para que a comunidade se organizasse no processo de associativismo. 

 

“Hoje está sendo o pontapé inicial para a nossa associação. Agora é só começar a produção mesmo e seguir aumentando. Vamos nos organizar para que cada produtor analise o que se encaixa melhor na sua propriedade. A gente tem esse acompanhamento para esse agricultor e vamos andando juntos para o melhor para todo mundo”, enfatizou. 

 

Todo o processo foi acompanhado e orientado pelos integrantes da comunidade, além do diretor do departamento agrícola e do engenheiro agrônomo da Secretaria, Patrikk John Martins. 

 

“Fomos construindo com a comunidade passo a passo, para que eles tivessem então constituída a Associação dos Produtores Rurais da Comunidade Campina Bonita. Esse processo é muito importante, pois no caminho, existem dúvidas dos produtores e que são sanadas durante esse acompanhamento”, finalizou Patrikk.