Notícias

Retrospectiva 2022: Secretaria Municipal de Agricultura garante mais qualidade de vida à população do campo 

22/12/2022

Com projetos em todas as áreas, a pasta diversificou as atividades no campo, capacitou e deu assistência técnica para produtores rurais. 

 

A Secretaria de Agricultura realiza um trabalho constante na área rural de Guarapuava. Neste ano, o foco foi realizar as demandas feitas pelos agricultores, e ampliar suas oportunidades, suas rendas, e sua qualidade de vida.

 

Segundo o secretário de Agricultura, Itacir Vezzaro, o planejamento das ações da Secretaria foram discutidos com os agricultores, antes de serem executados. “Porque não adianta a gente querer executar algum trabalho sem essa discussão com os agricultores, pois esse deve ser um trabalho conjunto entre todos nós”, comentou o secretário.

 

Em 2022, o projeto Agente de Desenvolvimento do Campo prestou assistência técnica nas áreas econômica, social e ambiental aos pequenos e médios produtores rurais do município.

 

O Programa Vida Rural, tem metas para os próximos três anos de administração. Dentre as metas realizadas esse ano, está o projeto da área ambiental, que cuida das questões de abastecimento de água, proteção de fontes e mananciais e a perfuração de poços artesianos, além da instalação de rede de distribuição com as comunidades. Em parceria com a Sanepar e com os beneficiados, este ano foram construídos mais quatro poços e já está sendo realizado o processo de licitação para que mais oito poços sejam feitos no próximo ano.

 

Outra meta realizada em 2022, foi o projeto de Regularização Fundiária, que entregou 208 títulos para famílias que aguardavam há anos pela regularização das terras. Além disso, foi desempenhado um trabalho social com o grupo de agricultoras, que são auxiliadas tanto na parte econômica quanto no cuidado com a saúde da mulher.

 

“Eu moro há mais de 30 anos no assentamento e nunca consegui realizar este sonho, que não é só meu, mas também da minha esposa que hoje já não se encontra mais entre nós. Então, por isso, agradeço por poder estar aqui e receber este documento”, contou emocionado na época Darci Antonio Ribeiro, de 71 anos. Ele é produtor rural e morador do Assentamento Carolina

 

O programa de Produção de Pequenas Frutas e Hortaliças, foi expandido neste ano, agora contando com 35 produtores de morango para atender o mercado de Guarapuava. O projeto de produção de ovos caipira também foi implementado, inicialmente, com 12 agricultores. Atualmente, mais de cinco mil galinhas poedeiras produzem ovos que são destinados à merenda escolar, Feira Solidária e Feira do Produtor.

 

O projeto Olericultura, teve os grupos formados e o trabalho iniciado tanto no cultivo de legumes e verduras, quanto de frutas em geral. Com a produção destinada principalmente para as Feiras do Produtor e Solidária, além das merendas escolares do município e do Estado, cinco grupos de agricultores se dedicam a esse tipo de cultivo. Somente na merenda escolar municipal, os produtos atendem mais de 17 mil crianças. Além disso, esses agricultores abastecem o mercado tradicional.

 

Em 2022, também foi iniciado o projeto Produção de Lavanda, que é uma parceria da Secretaria de Agricultura com a empresa Biodestil LTDA. Por meio de um termo de cooperação, a empresa vai utilizar a produção na fabricação de produtos que têm a lavanda como matéria-prima ou como composto. Já foram entregues as primeiras 15 mil mudas para cinco famílias agricultoras da comunidade Rosa, no distrito do Guará. 

 

Já em relação a melhorias na qualidade de vida e nas condições de escoamento das produções na área rural, a Secretaria trabalhou durante o ano na estruturação do projeto de implantação e pavimentação de pedra irregular nas estradas rurais, onde foi aprovado para aplicação de R$ 1,2 milhão na região do Morro Grande, Faxinal dos Fiuzas, onde serão instalados 18 mil metros quadrados de calçamento. 

 

A Secretaria de Agricultura buscou ainda, diversas emendas parlamentares, ao longo do ano. Uma delas, do deputado Artagão de Mattos Leão Júnior, no valor de R$ 1,35 milhão, que será destinada para compra de equipamentos. Ainda em 2022, foram adquiridos dois caminhões isotérmicos para o transporte de verduras e legumes. Os dois veículos somam R$ 499 mil e foram comprados com recursos de emendas dos deputados Cristina Silvestri e Artagão Júnior, com uma contrapartida de R$ 119 mil do município. 

 

“Esperamos e vamos trabalhar para que o ano de 2023 seja ainda melhor. Estamos com diversos projetos em andamento que irão beneficiar os agricultores e agricultoras familiares, oportunizando para que eles possam também diversificar suas atividades, criando condições e auxílio técnico para que isso aconteça”, finaliza Itacir.