Notícias

Prefeitura de Guarapuava e ITCG entregam 340 documentos de posse de terra

18/09/2014

Na tarde desta quinta-feira (18), a prefeitura de Guarapuava e o Itcg (Instituto de Terras e Cartografia e Geociências) entregaram 340 documentos de usucapião da posse de terra para pequenos produtores rurais de Guarapuava. Com ele, agora, os produtores rurais terão autonomia para receber benefícios da casa própria e acesso às linhas de crédito. “Fico emocionado, pois estamos concretizando hoje um sonho com a entrega dos documentos de posse de terra, reduzindo a grande quantidade de propriedades irregulares em nosso município. Esses documentos são de grande importância para essas famílias que agora, vão romper barreiras, produzindo mais e gerando renda direta no campo”, afirma o prefeito de Guarapuava, Cesar Silvestri Filho.

De acordo com o diretor presidente do ITCG, Amilcar Cabral, a parceria da Prefeitura de Guarapuava teve grande importância na regularização das terras. “Hoje estamos entregando 340 mapas e memorais descritivos de imóveis que foram medidos. Estamos muito felizes, pois o trabalho está andando. Com esses documentos a ação de uso capião poderá ser devidamente ajuizada.” Segundo o chefe de escritório do ITCG de Guarapuava, Adelino Bridt, a partir do momento que receberem os documentos, os produtores poderão provar a propriedade das terras, assim, as portas se abrem e o acesso às políticas públicas acontece. “Eles acabam resgatando a autoestima e produzem com mais amor e dedicação, pois agora sabem que a terra é deles por direito”.

O produtor rural Jauri José Machado, tem uma área de terra em Faxinal dos Fiúza há cinco anos. Para ele, agora, com o documento em mãos, as oportunidades para crescer no campo aumentam. “Antes estava na escura, mas a partir de hoje posso fazer empréstimo no banco e também me aposentar. Posso permanecer na terra e produzir”. O produtor José Airton Sebastião também recebeu o documento das terras e agora pensa no futuro de seus filhos. “Faz sete anos que possuo minha área no Guairacá e fiquei muito feliz com a entrega do documento, pois no futuro posso deixar as terras para meus filhos. Fiquei muito satisfeito e agradeço por essa conquista”.