Notícias

NESTE ANO, MUSEU DE CIÊNCIAS NATURAIS DE GUARAPUAVA JÁ RECEBEU 18 MIL VISITANTES

20/10/2017

Em Guarapuava, o Museu de Ciências Naturais anexo ao Parque das Araucárias recebe milhares de visitantes anualmente. Seu renomado acervo chama a atenção não só dos guarapuavanos e paranaenses, mas também de pessoas de outras regiões do país. O Museu é administrado pela Prefeitura de Guarapuava através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente em parceria com a Unicentro. “Por muitos anos o museu foi esquecido. Nossa gestão se comprometeu em reativar a estrutura e assim fizemos. Temos orgulho em colher os frutos do investimento de mais de R$ 500 mil, que valorizou ainda mais todo o acervo, permitindo que milhares de pessoas possam conhecer essa exposição que possui objetos do mundo inteiro. Todos estão convidados a visitar esse importante local”, destacou o prefeito Cesar Silvestri Filho.

 

O Museu conta com duas coleções permanentes relacionadas à história natural: A coleção João José Bigarella, composta por amostras de rochas, minerais, fósseis, conchas e outros animais marinhos, somando mais de sete mil peças e a coleção entomológica Hipólito Schneider contendo cerca de 14 mil insetos colocados em exposição. “O local presta à população um serviço ambiental de informação e reconhecimento através do acervo, conscientizando os visitantes sobre a importância dos elementos naturais e o quanto os mesmos interferem em nossa vida”, explica o Professor e Diretor do Museu de Ciências Naturais Maurício Camargo Filho.

 

Para o Secretário de Meio Ambiente, Celso Araújo, depois da revitalização do local, feita pela Prefeitura de Guarapuava através do Fundo Municipal do Meio Ambiente, a infraestrutura do museu teve uma notória evolução “A disposição dos acervos, banheiros e climatização dos ambientes, foram aspectos que receberam bastante atenção nesta reforma. Além disso, foi instalada uma central de energia solar, capaz de produzir 3 mil KW por mês de energia limpa, coisa inédita na cidade e que beneficia o Museu a Secretaria de Meio Ambiente. O atendimento ao público, também obteve melhoras, agora os visitantes recebem durante os passeios a assistência de acadêmicos dos cursos de Biologia e Geografia da Unicentro. Tudo foi pensado  para que a visitante possa desfrutar do que o local tem de melhor”, finalizou Celso Araújo.

 

Somente neste ano, cerca de 18 mil pessoas já visitaram o local, uma boa parcela deste público refere-se aos estudantes que juntamente às suas instituições de ensino, comparecem ao local a fim de contemplar a exposição, além de claro, turistas e os próprios moradores da cidade.

 

O Museu de Ciências Naturais está localizado no bairro Primavera, nas proximidades da BR 277. O horário de funcionamento é de terça-feira a domingo, incluindo feriados, das 9h às 12h e das 13h às 17h. Recomenda-se que grupos de visitantes agendem suas visitas junto à Secretaria Municipal do Meio Ambiente.