Notícias

Matriz de Risco aponta melhora na situação epidemiológica

28/06/2021

Nesta segunda-feira (28) , a Secretaria de Saúde divulgou os dados da matriz de risco que avalia a situação epidemiológica da cidade e a capacidade de atendimento dos casos de Covid-19 pela rede hospitalar. A classificação ficou em 7 pontos. De acordo com o prefeito Celso Góes, os índices confirmam a assertividade das medidas que vêm sendo tomadas pela administração do Município pensando no bem de todos. 

 

“Apenas a vacinação é a solução, mas todos os esforços são para que as atividades sejam retomadas e as vidas preservadas. Seguimos determinados a vencer essa luta! A queda nos números de contágio e mortalidade, além de ser um alento, permite que vislumbremos novas ações”, enfatizou.

 

Com 7 pontos na classificação de risco o marcador do ‘termômetro epidemiológico’ do município está sob a cor amarela. No entanto, para haver mudança no bandeiramento, o índice deve permanecer nesta cor durante esta semana. O Secretário de Saúde, Jonilson Pires, explica que pode haver uma variação pontual na composição do índice dependendo da confirmação de novos casos e da situação de ocupação dos leitos exclusivos para tratamento da Covid-19. Os números precisam continuar mais baixos para se tornarem uma tendência na dinâmica da pandemia.

 

“O sistema de bandeiramento estabelece que a avaliação para a troca de bandeiras seja feita semanalmente. Nesta semana, por exemplo, ficou definida a bandeira laranja. Assim, temos segurança na tomada de decisões que impactem positivamente no combate à pandemia, sem corrermos riscos desnecessários que comprometam todo o trabalho feito até agora”, complementou. 

 

Ainda segundo o médico, devemos manter a conduta preventiva.

 

“Nossas atitudes salvam vidas. Muitos criticam as restrições, mas os números são claros. Quando há respeito pelas medidas sanitárias com responsabilidade individual, o ganho é coletivo. Se mantivermos os bons índices, temos a possibilidade de implementar futuramente outras determinações sanitárias”, afirmou

 

 Situação

Com a diminuição da quantidade de casos ativos e de óbitos em decorrência da Covid-19, o atendimento exclusivo de pessoas contaminadas ou com suspeitas voltou a ser direcionado apenas para a UPA-Batel.  A situação epidemiológica do Município também permitiu ajustes na modalidade de atendimento de alguns estabelecimentos durante a vigência das regras da bandeira laranja, como a entrega de produtos no balcão aos domingos.  

 

Leia mais sobre isso aqui.

 

Boletim Epidemiológico

 

O Boletim divulgado pela Vigilância Epidemiológica do Município confirmou nesta segunda-feira (28) mais 44 contaminações, totalizando 718 casos ativos, e 01 novo óbito.