Notícias

Hospital do Câncer de Guarapuava iniciará obras na ala de radioterapia

01/07/2020

O sonho de oferecer o tratamento de radioterapia no Hospital do Câncer em Guarapuava está cada vez mais próximo de se tornar realidade. Nesta quarta-feira (01), um ato simbólico no espaço que sediará a unidade, no bairro Cidade dos Lagos, celebrou a autorização para início das obras da ala exclusiva de radioterapia, representando uma grande conquista para Guarapuava e para a região central do Estado. “Estamos iniciando a concretização de uma iniciativa que transformará vidas. Vamos qualificar o serviço de saúde para aproximadamente meio milhão de pessoas que deixarão de viajar por horas e horas, rumo a outras regiões do Estado, para trazê-los aqui, perto de casa, onde receberão um dos melhores tratamentos de câncer do Paraná”, ressaltou o prefeito de Guarapuava, Cesar Silvestri Filho.

 

Isso porque, os serviços ofertados na Unidade II do Hospital São Vicente de Paulo (Hospital do Câncer) atenderão cerca de 20 municípios que integram a 5ª Regional de Saúde, aproximando mais de 500 mil pessoas desses atendimentos. Para isso, a obra reúne recursos oriundos de órgãos públicos e privados, sendo 20% deles da administração pública municipal.

 

(Foto: Secom/Prefeitura de Guarapuava)

 

Conforme a equipe da administração do Hospital, a instalação da ala de radioterapia faz parte do Programa de Expansão da Radioterapia do Ministério da Saúde, no qual o Hospital foi contemplado em 2011, através de uma articulação do então deputado federal Cezar Silvestri.

 

Depois de cumprir todos os requisitos técnicos e burocráticos, o aval para dar início à construção da ala foi amplamente celebrado. “Desde que conseguimos a regulamentação, trabalhamos dentro das normativas para chegar a esse momento. A instalação da ala de radioterapia vem para fortalecer o nosso Hospital do Câncer. Agora, com a transferência da ala de quimioterapia do São Vicente para o Hospital do Câncer e a instalação da radioterapia, proporcionaremos aos pacientes todos os atendimentos para enfrentar o câncer em um único lugar”, comemorou o provedor do Hospital São Vicente, Humberto Limberger.

 

A ala de radioterapia vai ocupar uma área de 776.62m2, com capacidade para atender 70 pessoas por dia. “Hoje temos a honra de dar início a essa operação. Essa é uma vitória de toda a cidade, graças ao grupo que se empenhou arduamente durante anos para que isso se tornasse realidade. Sem a radioterapia não teríamos o hospital como esperamos”, ponderou o empresário Odacir Antonelli. “Tenho muita satisfação por ter sido participante desta conquista, desde o meu primeiro mandato como deputada estadual, com a destinação de recursos que são utilizados hoje para a aquisição de novos equipamentos das Unidades I e II do São Vicente”, detalhou a deputada estadual Cristina Silvestri.