Notícias

Em um mês, site Compre do Produtor gera mais de R$ 40 mil em vendas de produtos da agricultura familiar

18/05/2020

O site Compre do Produtor está comemorando seu primeiro mês de atividade. Criado para fomentar as vendas e garantir a renda dos produtores rurais de Guarapuava durante a pandemia, a comercialização online já ultrapassou a marca de mil pedidos. “O site mostra a efetividade e consolidação do mercado consumidor aos produtos da agricultura familiar. Mesmo com a reabertura das nossas tradicionais feiras do produtor, os consumidores continuam acessando e comprando pelo site, seja pela comodidade ou para cumprir  o distanciamento social. Isso evidencia que estamos atendendo com qualidade, atenção e cuidado à população”, ressaltou o secretário de Agricultura, Ademir Fabiane.

 

Foram quase 10 mil produtos entregues neste primeiro mês, vindos de pequenos produtores da cidade. Entre os mais adquiridos pelos consumidores estão o tomate (com 741 kg vendidos), cenoura (570 kg), cebola (533 kg), repolho (455 kg) e batata doce (382 kg). Já na lista dos mais procurados está o queijo, pinhão, banana, alface e ovos.

 

Rodrigo Junior Paczkowski, mora no Morro Grande, distrito de Guairacá, e sempre vendeu seus produtos nas feiras tradicionais. Durante o período em que elas estiveram paradas, ele decidiu aderir ao site como meio de comercialização para venda de mais vinte produtos. “As vendas no site ajudaram porque quando os produtos estão no ponto de colher, não temos escolha. Pelo site eu vendo repolho, couve-flor, brócolis, cinco tipos de alface, batata-doce, batata-salsa, pimentão, milho verde, beterraba, entre outros produtos. Para nós, produtores, o site é uma alternativa a mais para comercialização, e para o cliente é a solução ideal em tempos de pandemia”, afirmou Rodrigo.

 

(Foto: Secretaria de Agricultura/Prefeitura de Guarapuava)

 

É o caso da consumidora Bruna Maria Porto que  comprava na feira Santana e decidiu aderir ao site. Ela já fez sua terceira compra e sempre compartilha em suas redes sociais, incentivando mais pessoas a comprarem dos produtores locais. “Devemos dar atenção aos pequenos produtores, comprando nas feiras ou no site, fazendo com que esse mercado cresça cada vez mais em nossa região. Eu pretendo continuar comprando assim, pelo site. Na correria do dia a dia é melhor fazer o pedido online, porque além de facilitar a nossa vida, também estimula o comércio local”, avaliou.

 

Até o momento, as vendas pelo site alcançaram mais de R$ 40 mil em renda total para as famílias que forneceram produtos neste primeiro mês. “Inicialmente, contamos com 40 famílias para as entregas, mas já estamos trabalhando para aumentar os produtores atendidos, sempre respeitando a vontade deles em entregar”, ressaltou  o coordenador do site, Carlos Eduardo Bortolin. A  intenção é reunir todos os agricultores familiares, respeitando a individualidade de cada um. “Nosso site tem diferentes categorias de produtos, temos produtores e produtoras inseridos no projeto e trabalhamos de forma coesa para atender todas as regiões rurais do município”, completou o coordenador.

 

“Com a parada das feiras, esse novo canal de vendas ajudou muito tanto no escoamento da produção, quanto na renda de cada produtor. Com a volta delas, podemos pensar em aumentar a produção, tendo em vista que é um outro modo de venda e atinge outros grupos consumidores”, ponderou o produtor e fornecedor do site, Jean Fiuza.

 

Se você ainda não visitou o site ou comprou produtos das feiras de Guarapuava, clique aqui e conheça a produção.