Notícias

Com novo decreto, mais de 50 locais foram vistoriados no último fim de semana

07/12/2020

Desde o início da pandemia, a equipe da Prefeitura de Guarapuava realiza a fiscalização diariamente em todo o município, inclusive nos Distritos, mas, a partir do novo decreto que ampliou o período de alerta epidemiológico na última sexta-feira (05), as medidas preventivas foram reforçadas.Assim, a equipe ampliou as vistorias nos mercados, principalmente com relação a proibição da entrada de mais de um integrante de cada família, no intuito de evitar aglomeração. As academias também tiveram um novo limite de lotação permitido (30%). Já no período noturno, os servidores estão trabalhando em conjunto com a Policia Militar fazendo valer a medida do toque de recolher a partir das 23h, juntamente com a verificação do horário de funcionamento dos estabelecimentos comerciais e sobre o consumo de bebida alcoólica em vias públicas.

 

“O toque de recolher trouxe uma diminuição significativa de frequentadores dos locais aonde mais tinham descumprimento dos decretos municipais. No final de semana, foram mais de 50 locais vistoriados, muitos pra orientar sobre as determinações do novo decreto municipal e outros que eram reincidentes e foram autuados, com 2 deles lacrados. Os proprietários de estabelecimentos considerados não essenciais devem atender o determinado no decreto 8348/2020 publicado na última sexta (04) e encerrar suas atividades às 23h, para evitar penalidades”, declarou a fiscal tributária Joeci Aparecida de Lima.

 

Equipes vistoriam academias durante alerta epidemiológico. – Foto: Secom

 

Na última semana, foram realizadas mais de 10 auto de infração, com multas de R$ 5 mil reais, entre estabelecimentos comerciais diurnos, penalizados pela falta de uso de máscaras pelos funcionários, incluindo espaços kids abertos. Além disso, dois estabelecimentos noturnos foram interditados por desrespeitarem o distanciamento social, capacidade máxima, falta de utilização de máscaras, inclusive o atendimento ultrapassando o horário. A Polícia Militar também acompanhou visitas em churrascos e festas em residências, as irregularidades foram multadas de acordo com os decretos.

 

Na última quinta- feira (03), o prazo do alerta epidemiológico foi estendido até 18 de dezembro. As novas determinações visam diminuir a curva de contaminação.