Notícias

Agilidade na aplicação das vacinas é uma das marcas da Campanha Guarapuava Imunizada

05/05/2021

A estrutura da Central de Vacinação tem permitido vacinar simultaneamente no sistema de drive-thru (dentro dos carros), em média, 5 idosos a cada 3 minutos, contando o tempo do atendimento inicial, checagem de documentação, registro da vacinação e aplicação da dose. Essa agilidade e eficiência no trabalho dos profissionais envolvidos são reconhecidas pelo público atendido.

Estou muito feliz. Pra quem esperou um ano, esperar um pouco na fila não é sacrifício, não! A gente tem é que agradecer à equipe. Que Deus abençoe eles.”, declarou dona Vera Lucia de Siqueira, 60 anos.

Foi ótimo e muito rápido! Atendimento muito bom!”, complementou a nora, Vanilda de Moraes, que dirigia o carro.

A coordenação da Campanha Guarapuava Imunizada destaca que a gestão de diversas equipes de vacinadores em um só local possibilita um controle rigoroso sobre as vacinas aplicadas, a facilidade de distribuição e reposição das doses. “Além disso, conseguimos otimizar o tempo dos profissionais e demais aplicadores e, principalmente, evitar o desperdício de vacinas. Considerando todos esses fatores, nossa estratégia tem sido um sucesso”, explicou Chayane Andrade, coordenadora da campanha.

Seo Alceu Maia, 60 anos, comemorou o momento e reforçou que é preciso manter o uso de máscaras e os procedimentos de higiene e prevenção. “Foi bem rápido. Estão de parabéns! Agora temos que continuar com os cuidados, tem muito mais gente que precisa ser vacinada!”, declarou.

De acordo com a Secretaria de Trânsito, mesmo diante da formação de filas de carros nas ruas do entorno, o fluxo é contínuo e o atendimento é ágil. “Nos últimos dias, pouco depois das 9 horas da manhã, as filas eram pequenas com tempo de espera de menos de duas horas. Isso demonstra a boa logística de pessoal e a organização eficiente do trabalho”, declarou o secretário de Trânsito, Adalberto Campos.
Mesmo assim, Seo Racier preferiu ir no período da tarde. “Não peguei tumulto. O pessoal se apavora pra vir logo cedo, mas todo mundo que tem direito à vacina vai ser atendido em algum momento. Eu vim nessa certeza”, disse logo após receber o imunizante.

A vacinação ocorre também em outros espaços das tendas para quem vai a pé até a Praça Cândido Xavier. Esse empenho das equipes de aplicadores, da organização na Central de Vacinação e do trânsito, têm possibilitado o registro de recordes de pessoas imunizadas em um só dia, como em 17 de abril (1.467), 19 de abril (1.633) e 26 de abril (1.185). “Os lotes de vacinas que chegam em Guarapuava são rapidamente aplicados, a depender da demanda de cada faixa etária”, finalizou Chayane.

Nova Etapa

Até esta quinta-feira (06), Guarapuava deve concluir as aplicações previstas na 2ª fase do Plano de Vacinação para idosos com até 60 anos. Assim que chegar um novo lote, iniciará a fase 3 da Campanha com aplicação da vacina em outros grupos prioritários.

As pessoas atendidas serão as portadoras de comorbidades (incluindo as grávidas), doentes renais, com Síndrome de Down ou com deficiência. O critério de vacinação por idade em ordem decresce continua sendo adotado nesses grupos. Ainda nesta semana, a Campanha Guarapuava Imunizada divulgará qual é o próximo público a ser atendido e os documentos que devem ser apresentados para comprovação das doenças.

Outras idades

Neste momento, não há previsão de retorno da vacinação apenas levando em consideração a idade da pessoas, de acordo com o Plano Estadual de Vacinação.