Notícias

5º Prêmio Evelin Siqueira exalta projetos pedagógicos de professores guarapuavanos

18/12/2019

A emoção tomou conta do Teatro Municipal nesta terça-feira (17). Professores, educadores e nomes marcantes para a educação de Guarapuava estiveram reunidos para a entrega do 5º Prêmio Professora Evelin Siqueira, cujo objetivo é reconhecer as práticas pedagógicas inovadoras desenvolvidas por professores e educadores infantis do município.  “Este é um momento que tem um sentido muito especial. A homenagem de hoje não é somente para as professoras e educadoras, mas também para as famílias, para todas as pessoas que se sentem honradas por fazer parte da educação de Guarapuava. Uma escola acolhedora deve cumprir o seu papel de formar pessoas, de prepará-las para a vida, para o exercício da cidadania. Estamos aqui, para premiar e destacar professores e educadores do nosso município que fazem a educação acontecer”, discursou a secretária de Educação e Cultura, Doraci Senger Luy.

 

Ao todo, foram inscritos 26 trabalhos na categoria Professores e 16 na Educadores, que envolveram alunos da rede municipal com métodos de ensino que não se prendem somente ao que já está previsto na ementa. Os trabalhos foram avaliados pela comissão de professores da Faculdade Guairacá. A homenageada da noite, professora Evelin Deflon Siqueira, emocionou a todos com um poema de homenagem ao professor portador de deficiência visual, Júnior Cesar Ferreira, do CMEI Professora Júlia Julita S.M.Pereira. “Estou extremamente emocionada por tudo que já vimos e ouvimos. Com esse poema faço uma menção não apenas ao Júnior, mas à todos os professores que abraçam essa causa, que estão juntos nessa missão. Como é bonito ver essa dedicação com as nossas crianças”, falou Evelin, emocionada.

 

As lágrimas de alegria encheram os olhos dos participantes quando os vencedores foram anunciados. Ao todo, três participantes de cada categoria foram premiados com um notebook e terão seus trabalhos publicados na 5ª edição da revista Prêmio Professora Evelin Siqueira. Karine Neitzke foi uma das ganhadoras na categoria Educadores. Professora há 11 anos, ela desenvolveu o projeto Mil e Uma Emoções, que tem o objetivo de trabalhar o sentimento das crianças da Educação Infantil III. “Me sinto realizada não só pelo prêmio em si, mas por saber que o projeto deu certo. Nós percebemos que existia uma necessidade de trabalhar as emoções a partir de algumas situações que vivenciamos cotidianamente, por isso trabalhamos com pinturas, jogos e desenhos para que eles conseguissem expressar seus sentimentos”, explicou Karine.

 

Uma das vencedoras na categoria Professores foi Josiane de Oliveira, da Escola Municipal Luiza Pawlina do Amaral, com o trabalho Cultura de Guarapuava. “Trabalhei com as crianças de cinco aninhos a cultura de Guarapuava e eles amaram. Fizemos piquenique, levei histórias, fizemos teatro, conhecemos as lendas, tudo que eu pude trabalhar de diferente eu fiz. Fico muito emocionada de ganhar o prêmio, isso engrandece o nome da escola e mostra que o nosso trabalho está dando bons frutos”, afirmou Josiane.

 

UMA HOMENAGEM À EVELIN SIQUEIRA

 

O prêmio Professora Evelin Siqueira foi criado em 2013 pela Prefeitura de Guarapuava, por meio da Secretaria de Educação e Cultura e reconhece o trabalho valoroso de Evelin Siqueira. Sempre atuando de forma exemplar, Evelin iniciou seu trabalho no magistério em 1967 como alfabetizadora e enfrentou muitos desafios nos seus 40 anos de carreira na educação. Ela, que também trabalhou como secretária escolar, supervisora e diretora, é exemplo no campo docente.

 

Além da professora que nomeia o evento, outras personalidades da educação de Guarapuava também receberam deferências em razão do trabalho desenvolvido ao longo de suas carreiras profissionais e, especialmente, do compromisso com a educação no município. Receberam homenagem as professoras Inez Marcolina da Silva, Leonilda Andrade Azevedo e Elizabeth Maria Pacheco, e também Laura Maria Bastos Pupo, Rosana Aparecida Schwartz e Dorotil Casagrande Melhem, que ocuparam o cargo de Secretária Municipal de Educação e Cultura em gestões anteriores.

 

“Aristóteles diz que grandeza não está em receber honras, mas sim em merecê-las. É uma honra merecida e conquistada, com a marca da insistência e da batalha vocês plantaram as melhores sementes no campo da Educação de Guarapuava e temos o compromisso do reconhecimento, pois como disse o filósofo chinês Lao-Tsé: o agradecimento é a memória do coração”, destacou a secretária, Doraci.