Prefeitura Municipal de Guarapuava
Secretarias de Saúde e Educação orientam sobre riscos do jogo “Baleia Azul”
Logo_Vertical-01

A Prefeitura de Guarapuava, através das Secretarias Municipais de Educação e Saúde, orienta pais, alunos, professores e profissionais da saúde sobre os riscos do jogo “Baleia Azul”.

De acordo com a nota técnica da Secretaria de Estado de Saúde do Paraná, a Secretaria de Saúde apresentou orientações técnicas para as equipes de todas as Unidades de Saúde do Município sobre como agir caso algum jovem apareça com sinais de automutilações ou tentativa de suicídio. “É de extrema importância que nossas equipes estejam atentas aos sinais, por isso solicitamos que todos os profissionais redobrem a atenção para qualquer caso suspeito e façam a notificação em nossos protocolos de atendimento”, destacou a Secretária, Renata Brito Araújo.

A recomendação é que a família, ao identificar algum comportamento suspeito deve levar a criança ou o adolescente até a unidade de saúde. Caso haja algum sinal de automutilação, o encaminhamento deve ser feito para uma Unidade de Pronto Atendimento 24h (UPA Batel ou Unidade 24h do Primavera). Uma rede do Estado estará à disposição para dar suporte a estes casos, tanto com assistência clínica quanto psicológica.

Nas escolas, a Secretaria de Educação prepara uma mobilização para orientar pais e professores da rede municipal e estadual de ensino. “Nosso objetivo é apresentar para as famílias os perigos desse jogo”, confirmou a Secretária de Educação e Cultura, Doraci Senger Luy.

Além disto, na próxima terça-feira (25) acontece uma reunião entre as Secretarias Municipais de Saúde, Educação e Assistência e Desenvolvimento Social, junto com o Núcleo Regional de Educação, Poder Judiciário, entre outros para discutir as estratégias de atuação.

 

O JOGO – No jogo “Baleia Azul”, os adolescentes relatam receber mensagens em redes sociais com tarefas a serem cumpridas. Nas conversas, um grupo de organizadores, chamados “curadores”, propõe 50 desafios macabros aos adolescentes, como fazer fotos assistindo a filmes de terror, automutilar-se desenhando baleias com instrumentos afiados no corpo e ficar doente. O último desafio é cometer o suicídio.



Gostou desta matéria? Então Compartilhe!

Voltar

Rua Brigadeiro Rocha, 2777 - Centro, CEP: 85010-210 - Guarapuava - Paraná - Brasil

Fone: (42) 3621-3000

Horário de Atendimento: 12:00 - 17:00

Youtube    Facebook    Instagram
CFW Agência de Internet