Prefeitura Municipal de Guarapuava
Secretaria de Saúde orienta moradores durante mutirão da dengue
IMG_1894

Nesta quinta-feira (28), o combate ao aedes aegypti, responsável pela transmissão da dengue, do perigoso zika vírus e da chikungunya começou cedo em Guarapuava. Como não existem vacinas ou medicamentos que impeçam a contaminação, é necessário diminuir a quantidade de mosquitos que circulam nos ambientes e larvas que possam se desenvolver na água parada. Para isso, a Secretaria de Saúde realizou mais um mutirão, com o objetivo de erradicar possíveis focos do aedes aegypti no município. A ação foi realizada por equipes das UBS Bonsucesso, São Cristóvão, Parque das Árvores, Recanto Feliz e Guairacá. Além de orientações e distribuição de material educativo, os agentes, médicos, enfermeiros e voluntários realizaram vistorias nas residências.

Armazenar garrafas, latas e vasilhas em locais cobertos e sempre de cabeça para baixo, por exemplo, são procedimentos simples e podem ser feitos pelos próprios moradores. A orientação é da enfermeira responsável pela UBS Bonsucesso, Ana Beatriz Nogueira. Mas, de acordo com ela, embora todos saibam o procedimento, muitos moradores ainda acionam a Vigilância Sanitária para fazer a limpeza. “Todos devem colaborar. A Vigilância só deve ser acionada quando o problema estiver em terrenos baldios, do contrário, toda a população deve verificar os possíveis focos do mosquito, fazendo uma limpeza geral na própria residência. Assim, otimizamos o tempo e combatemos o problema”, destaca.

Orientações

Tanto a dengue, como o zika vírus e a chikungunya têm as mesmas características sintomáticas, como febre alta, dor no fundo dos olhos, vermelhidão na pele, coceira e distúrbios gástricos. Nesses casos, a automedicação pode ser perigosa, principalmente em relação à dengue. De acordo com Ana Beatriz, após os primeiros sintomas, o paciente deve buscar uma unidade de saúde para orientações. “Se o paciente começar a ter qualquer um desses sintomas, ele primeiro deve evitar o uso de medicação sem indicação médica e, em seguida, procurar a UBS (Unidade Básica de Saúde) do bairro. Caso seja durante o final de semana, ele deve procurar uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento)”, orienta.



Gostou desta matéria? Então Compartilhe!

Voltar

Rua Brigadeiro Rocha, 2777 - Centro, CEP: 85010-210 - Guarapuava - Paraná - Brasil

Fone: (42) 3621-3000

Horário de Atendimento: 12:00 - 17:00

Youtube    Facebook    Instagram
CFW Agência de Internet