Prefeitura Municipal de Guarapuava
Secretaria de Políticas para as Mulheres participa de encontro com líderes da Pastoral da Criança em Guarapuava
sec mulher e pastoral da crianca (36)

Na manhã desta terça-feira (12), representantes da Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres participaram do 1º Encontrão de Líderes da Pastoral de Criança de Guarapuava. Cinquenta pessoas compartilharam informações sobre os projetos, cursos e palestras realizados pela equipe da secretaria. Também obtiveram conhecimento sobre autonomia social e econômica, Lei Maria da Penha e atendimento às vítimas de violência. “Trabalhamos de forma articulada em prol das mulheres que sofrem com algum tipo de violência doméstica. As líderes da Pastoral da Criança estão bem próximas da população, por isso a importância de todas saberem que somos aliadas e que podemos trabalhar juntas”, afirma a prefeita em exercício, Eva Schran.

Para a coordenadora diocesana da Pastoral da Criança em Guarapuava, Joceli de Fátima Ramos Zeni, a formação enriquece ainda mais a missão junto às famílias que mais necessitam. “Nossas voluntárias visitam e conhecem as pessoas, muitas delas podem estar passando por alguma forma de violência e, por medo ou desconhecimento, não denunciam, porém confiam em nosso trabalho que é sigiloso. Convidamos a Secretaria da Mulher para orientá-las quanto aos procedimentos e serviços ao se depararem com alguma situação de risco”, salienta.

A coordenadora dos cursos da secretaria, Angelita Gadens, explica que, apesar do medo, as mulheres devem denunciar a agressão. “A pessoa que estiver sofrendo abuso ou violência precisa procurar ajuda. Denúncias podem ser feitas por telefone anonimamente ou na secretaria. Temos a função de proteger e tirar Guarapuava do mapa da violência de gênero”, esclarece. Líder há 18 anos da Pastoral da Criança, Cristina  Elizete da Silva diz que já presenciou muitos casos de abusos às mulheres. “Até dois anos atrás, não sabíamos o que fazer quando uma mulher vinha nos contar sobre agressões. Agora, quando temos conhecimento de algo, pedimos ajuda à Secretaria da Mulher, que toma todas as providências para garantir a segurança da mulher e dos filhos”, avalia a moradora da Comunidade Marrecas de Cima, do Distrito do Guairacá. 



Gostou desta matéria? Então Compartilhe!

Voltar

Rua Brigadeiro Rocha, 2777 - Centro, CEP: 85010-210 - Guarapuava - Paraná - Brasil

Fone: (42) 3621-3000

Horário de Atendimento: 12:00 - 17:00

Youtube    Facebook    Instagram
CFW Agência de Internet