Prefeitura Municipal de Guarapuava
Secretaria da Mulher comemora os 11 anos da Lei Maria da Penha
IMG_3975

Na tarde desta segunda-feira (07), Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres em parceria com o 16º Batalhão da Policia Militar, realizaram uma Blitz Orientativa em comemoração aos 11 anos da Lei Maria da Penha. A iniciativa realizada em frente ao 26º GAC teve por objetivo orientar motoristas e pedestres por meio de materiais informativos sobre a Lei. “Em nossa vivência na secretaria, percebemos que as maiores demandas de atendimentos de violência doméstica são oriundas de encaminhamentos feitos pela Polícia Militar. Diante disso, resolvemos unir as forças das instituições em prol de mais uma ação importante, que teve por objetivo orientar ainda mais as mulheres e a população sobre a Lei Maria da Penha e seus efeitos. Precisamos reforçar a cada dia que em nossa cidade existem políticas públicas que funcionam e que aliadas a Lei, já salvaram muitas vidas e responsabilizaram o agressor. Combater a violência doméstica é dever de todos e nosso trabalho na cidade é constante”, ressaltou a Secretaria de Políticas Públicas para Mulheres, Priscila Schran de Lima.

Pela manhã, a Secretaria da Mulher também entregou materiais informativos no 16º Batalhão da Policia Militar. “Recebemos da secretaria materiais que vão ser levados em cada viatura e distribuídos conforme formos realizando os atendimentos com as mulheres. Sempre incentivamos iniciativas como essa, pois sabemos que surtem efeitos positivos e que acima de tudo, mostra que a mulher está amparada tanto pela polícia, quanto pelos serviços prestados pela Secretaria da Mulher em Guarapuava”, finalizou o Major, Gilmar Golemba Santana.

 

Sobre a Lei Maria da Penha

Aprovada em 07 de agosto de 2006, a Lei Maria da Penha (Lei nº 11.340) criou mecanismos para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher. A lei possibilita que agressores sejam presos em flagrante ou tenham a prisão preventiva decretada, em caso de qualquer ato de violência doméstica. A ONU considera a legislação uma das melhores do mundo em combate a violência doméstica contra a mulher.

O nome Maria da Penha é porque a lei foi baseada na história da cearense Maria da Penha Maia Fernandes, que sofreu por mais de 20 anos com a violência doméstica. Enquanto dormia, o ex-marido atirou contra ela e a deixou paraplégica.

 

Postada em 07/08/2017



Gostou desta matéria? Então Compartilhe!

Voltar

Rua Brigadeiro Rocha, 2777 - Centro, CEP: 85010-210 - Guarapuava - Paraná - Brasil

Fone: (42) 3621-3000

Horário de Atendimento: 12:00 - 17:00

Youtube    Facebook    Instagram
CFW Agência de Internet