Prefeitura Municipal de Guarapuava
Resumo de Notícias
orientacao dengue (11)

Secretaria de Saúde orienta moradores da Vila Carli sobre a dengue

Nesta terça-feira (24), a Secretaria de Saúde de Guarapuava realizou um mutirão de limpeza, prevenção e conscientização sobre a dengue na Vila Carli. As equipes entregaram materiais informativos, além de fazerem a limpeza e coleta de materiais que podem acumular água e proporcionar o desenvolvimento do mosquito transmissor da doença. A ação foi desenvolvida junto com a Secretaria de Meio Ambiente, Surg, Vigilância Sanitária, 5ª Regional de Saúde e o curso de Enfermagem da Unicentro.

Segundo a supervisora dos agentes, Sabina Curi, Guarapuava não é um município infestado e a conscientização acontece periodicamente, porém, devido às chuvas que ocorreram no início do mês, as ações foram intensificadas. “Os agentes estão conversando com a população e realizando a aplicação de veneno em alguns pontos estratégicos, como borracharias, onde há grande acumulo de água após períodos de chuvas”, explica.

Rozalina Pereira Dias tem 71 anos e há 40 na Vila Carli. Ela conta que sempre está atenta em relação à dengue. “Nunca deixo água parada e quando chove sempre procuro no terreno se tem alguma garrafa ou lata com água parada para jogar fora”, relata. A artesã Michelle Cristina de Souza também tem essa preocupação e considera o mutirão importante para que todos façam sua parte. “É bom cuidar da gente e também alertar os vizinhos. Às vezes eu cuido, mas os outros não cuidam, então o mutirão ajuda a deixar todos cientes”.

 

 

 

 

 

Prefeitura auxilia empresários na recuperação dos prejuízos causados pela enchente

Na tarde desta terça-feira (24), o secretário de Indústria, Comércio e Turismo, Sandro Abdanur, reuniu-se com representantes das indústrias atingidas pela enchente. O objetivo do encontro foi apresentar os as linhas de crédito disponíveis para recuperação dos danos e esclarecer quais os itens possíveis para o financiamento.

Com a enchente, o prejuízo econômico privado nas indústrias chegou a R$ 6,25 milhões. Segundo Abdanur, a administração municipal está se esforçando para auxiliar todos os segmentos prejudicados, inclusive as empresas. “É de responsabilidade do poder público aproximar as empresas atingidas e as instituições parceiras. A Fomento Paraná já se prontificou a atender de forma diferenciada essas empresas”, afirma.

Participaram da reunião Neiva Antunes dos Santos, do Grupo Itax, Luiz Tadeu Perussolo, da Santa Maria, Ilson Cezar Luchtemberg, da Dalba Holding, Antônio Carlos Cunico Junior, do Moinho São Luiz, e o analista de desenvolvimento da Fomento Paraná, Richer de Andrade Matos.

 

 

Municípios da região de Guarapuava recebem orientações da Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil

Com o objetivo de orientar os municípios paranaenses mais prejudicados pelas chuvas, a Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil realiza, na manhã desta quinta-feira (26), oficinas para auxiliar sobre como elaborar o Plano de Trabalho à Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, conforme o disposto na Lei 12.608/12. Guarapuava vai sediar o evento e receber representantes de 28 municípios. As oficinas acontecem no auditório da Faculdade Campo Real, a partir 8h. Além de Guarapuava, outros quatro municípios vão sediar o evento.

O Plano de Trabalho deve ser apresentado no prazo de 90 dias após o desastre e visa a obtenção de recursos para reconstrução e recuperação dos danos. O evento vai contar também com a participação de representantes de outros órgãos do Governo do Estado. “Precisamos estar sempre atentos e trabalhar em conjunto com o Governo do Estado para recuperar os danos causados em nosso município. Assim como Guarapuava, diversos outros municípios também precisam de auxílio. Estamos unindos forças para reerguer o nosso Estado tão afetado pela chuva”, afirma o secretário de Assistência Social, Abraham Virmond Haick.

No mesmo dia, às 14h, o governador Beto Richa e o prefeito Cesar Silvestri Filho fazem o lançamento da unidade descentralizada do Graer (Grupamento Aeropolicial e Resgate Aéreo), da Secretaria Estadual da Segurança Pública em Guarapuava. A partir de então, a população local e da região poderá contar com uma aeronave 24 horas de plantão para os atendimentos de urgência, transporte de pacientes, feridos e órgãos humanos para transplante, além de atuar em missões de segurança pública.



Gostou desta matéria? Então Compartilhe!

Voltar

Rua Brigadeiro Rocha, 2777 - Centro, CEP: 85010-210 - Guarapuava - Paraná - Brasil

Fone: (42) 3621-3000

Horário de Atendimento: 12:00 - 17:00

Youtube    Facebook    Instagram
CFW Agência de Internet