Prefeitura Municipal de Guarapuava
Meninos e pacientes em tratamento de câncer podem tomar Vacina contra HPV
dia d vacina influenza (12)

O Ministério da Saúde ampliou a imunização contra o HPV. Agora também podem se vacinar meninos de 11 a 15 anos incompletos.  Também terão direito a vacina, homens e mulheres transplantados, além de oncológicos em uso de quimioterapia e radioterapia. O objetivo é aumentar a cobertura vacinal dos adolescentes do sexo masculino. Desde janeiro deste ano meninos de 12 a 13 anos também eram atendidos pela vacina.

Com a inclusão desse público, que soma mais de3,3 milhões de adolescentes, a meta do Ministério para 2017 é vacinar 80% dos 7,1 milhões de meninos de 11 a 15 anos e 4,3 milhões de meninas de 9 a 15 anos. Além disso, cerca 200 mil crianças e jovens, de ambos os sexos, de 9 a 26 anos vivendo com HIV/AIDS, também podem se vacinar contra HPV.

Meninos e meninas devem tomar duas doses da vacina HPV, com intervalo de seis meses entre elas. Para as pessoas que vivem com HIV, a faixa etária é mais ampla (9 a 26 anos) e o esquema vacinal é de três doses (intervalo de 0, 2 e 6 meses). No caso dos portadores de HIV, é necessário apresentar prescrição médica. A vacina disponibilizada no SUS é a quadrivalente e já é ofertada, desde 2014, para as meninas. Confere proteção contra quatro subtipos do vírus HPV (6, 11, 16 e 18), com 98% de eficácia para quem segue corretamente o esquema vacinal.

Todas as Unidades de Saúde de Guarapuava oferecem gratuitamente, para os grupos estabelecidos pelo Ministério, as doses da vacina contra o HPV.

Publicado em 26/06/2017



Gostou desta matéria? Então Compartilhe!

Voltar

Rua Brigadeiro Rocha, 2777 - Centro, CEP: 85010-210 - Guarapuava - Paraná - Brasil

Fone: (42) 3621-3000

Horário de Atendimento: 12:00 - 17:00

Youtube    Facebook    Instagram
CFW Agência de Internet