Prefeitura Municipal de Guarapuava
Famílias recebem as chaves dos apartamentos do Residencial Boa Vista
boa vista (1)

As 64 famílias selecionadas para morar no Residencial Boa Vista, no bairro Alto Cascavel, comemoraram a entrega das chaves dos apartamentos pela Caixa Econômica Federal, Cohapar e Prefeitura de Guarapuava. A solenidade aconteceu na tarde desta segunda-feira (21) e contou com a presença do prefeito Cesar Silvestri Filho; Ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias; presidente da Cohapar, Orlando Junior; Superintendente Regional da Caixa Econômica Federal, Luis Henrique Borgo, representantes do Legislativo e secretários municipais, além dos moradores. “Este é o maior investimento habitacional da história de Guarapuava. Construiremos em 4 anos mais residências que haviam sido construídas no município até então. Reforçando parcerias e com muita lealdade, vamos dar continuidade a essas obras que atendem o sonho de centenas de guarapuavanos”, diz Cesar Filho.

Muita emoção para a diarista Márcia Regina Gonçalves e as três filhas, de 8, 10 e 11 anos. Com a economia de R$ 330,00 que pagava ao mês no aluguel de uma casa, a chefe de família pretende investir na qualidade de vida das filhas. “Agora tenho minha casa própria. Ninguém pode chegar e pedir que eu entregue as chaves da minha morada”, explica a diarista. Inscrita há 8 anos no cadastro da habitação, a idosa Mirna Vieira Berton aguardava esse momento. Mas foi na atual administração que, em pouco tempo, conquistou a casa própria. Emocionada, Mirna parecia não acreditar que acabava sua difícil situação. Nós últimos anos, morou em vários locais, geralmente contando com a ajuda dos filhos. Por último, estava em um galpão. “Agora o momento ruim passou. Sou a pessoa mais feliz do mundo neste momento. Agradeço primeiro a Deus e depois ao prefeito Cesar Filho. Eu tenho um teto, um lugar pra receber meus filhos”, comemora Mirna.

Três famílias vítimas da enchente do ano passado, que estavam amparadas pelo programa Aluguel Social, também foram selecionadas para morar no Boa Vista. Cleia Cristina Pacheco, 27 anos, o marido e os filhos, de 12 e 2 anos, agora têm endereço definitivo: apartamento 21, no bloco 3, do Residencial Boa Vista. Um sonho que o Bolsa Família e o salário de ajudante de pedreiro não poderiam garantir. A família morava na Vila São Vicente, área de risco de enchente. “Toda vez que chovia, a família ficava com medo, não dormia direito. Mas agora é só alegria. Não tenho palavras para agradecer o prefeito Cesar Filho”, festeja Cleia.

Segundo o secretário de Habitação e Urbanismo, Flávio Alexandre, desde 2013, a Prefeitura de Guarapuava desenvolve um rigoroso levantamento e seleção de pessoas que necessitam de moradia. O cadastro leva em consideração critérios estabelecidos pelos governos federal e municipal, entre eles pessoas da família com necessidades especiais e moradores de áreas de risco ou em vulnerabilidade social. Os apartamentos são adaptados a pessoas com necessidades especiais, os quais serão  alocados preferencialmente no térreo. O condomínio Boa vista possui duas áreas de lazer para a garotada e salão de convivência. As famílias beneficiadas têm renda mensal máxima de R$ 1,6 mil e pagarão parcelas equivalentes a 5% dos ganhos. Após 10 anos, totalizando 120 prestações, as famílias serão as proprietárias oficiais dos apartamentos. “Os imóveis são intransferíveis, não podendo ser vendidos ou alugados. Se o morador desistir de morar no local, o imóvel é devolvido para a Prefeitura e repassado aos beneficiários que estão na lista de espera”, ressalta.

O Residencial Boa Vista recebeu investimento de R$ 4 milhões do programa Minha Casa Minha Vida, com recursos do FAR (Fundo de Arrendamento Residencial) e da Cohapar. A Prefeitura de Guarapuava executou toda a infraestrutura no local, como pavimentação, iluminação pública, drenagem e calçamento. Na atual gestão, também foram entregues, no bairro Alto Cascavel, 64 apartamentos no mesmo condomínio, denominado Patrícia, e estão em fase de finalização outros 160. “O Minha Casa Minha Vida é o maior programa habitacional do mundo e já contemplou mais de um milhão de paranaenses”, salientou o Ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias. 



Gostou desta matéria? Então Compartilhe!

Voltar

Rua Brigadeiro Rocha, 2777 - Centro, CEP: 85010-210 - Guarapuava - Paraná - Brasil

Fone: (42) 3621-3000

Horário de Atendimento: 12:00 - 17:00

Youtube    Facebook    Instagram
CFW Agência de Internet