Prefeitura Municipal de Guarapuava
Em audiência pública, Prefeitura apresenta novo projeto de iluminação pública para Guarapuava
PPP

Na noite da última segunda-feira (14), a Prefeitura de Guarapuava realizou uma Audiência Pública para apresentar e debater com a população, o novo projeto de iluminação pública para o município. O projeto será desenvolvido por meio de uma PPP (Parceria Público Privada), e entre as melhorias estão a troca de 27 mil lâmpadas de vapor de sódio, por lâmpadas de LED, em todas as ruas das vilas, bairros e distritos da cidade.

De acordo com coordenador executivo do Conselho Gestor das PPPs, Carlos Valter, a participação da população tanto no projeto quanto na audiência pública é de extrema importância. “Foi muito importante as pessoas participarem com sugestões. Foi também um momento para que todos pudessem tirar suas dúvidas sobre o projeto. As contribuições encaminhadas pela população serão avaliadas e, se viáveis, serão acrescentadas ao projeto”, explica Carlos, lembrando que o plano contemplará todo o município com o que há de mais moderno em iluminação. “Entre os maiores benefícios do projeto está uma maior luminosidade e a grande economia de energia na conta de luz do município. A expectativa é que com essas novas lâmpadas, que têm durabilidade, em média de 15 anos, vamos conseguir uma redução de 60% na conta de iluminação pública de Guarapuava”, acrescenta.

Convidado pelo Conselho Gestor de PPP, o professor titular da FEA-USP, pesquisador Sênior e membro do Conselho Curador da FIPE (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), Denisard Alves, também esteve presente na audiência e esclareceu algumas dúvidas da população sobre o projeto. “Nós da FIPE auxiliamos os profissionais das secretarias de Finanças e Planejamento na formulação do projeto de iluminação pública para Guarapuava. A partir desses estudos, verificamos a viabilidade para implantação do projeto no município. A iniciativa público privada para esse tipo de projeto é muito inteligente e já foi realizada em uma cidade litorânea de São Paulo. Agora também estamos estudando a viabilidade dessa parceria em outras regiões do país”, esclarece Denisard.

Ainda segundo Carlos Valter, a população deve pensar no coletivo e analisar todos os benefícios que este grande projeto propõe. “Nem a Prefeitura, nem a população vão precisar desembolsar para implantação desse projeto, pois o investimento será coberto a partir da taxa de iluminação pública que já é recolhida na conta de luz”, ressalta.

A Prefeitura de Guarapuava também pretende instalar três modelos de câmeras de monitoramento na cidade e uma central de operações 24 horas. “Os equipamentos foram analisados e escolhidos conforme a necessidade. As câmeras serão importantes na hora de identificar problemas como a falta de luminosidade e as vias também serão contempladas com o monitoramento, assim como o próprio patrimônio. O prazo para a implantação do projeto, depois de licitado, é de cinco anos”, finaliza.

Para opinar e sugerir sobre o novo projeto de iluminação pública para Guarapuava clique no edital Consulta Pública.



Gostou desta matéria? Então Compartilhe!

Voltar

Rua Brigadeiro Rocha, 2777 - Centro, CEP: 85010-210 - Guarapuava - Paraná - Brasil

Fone: (42) 3621-3000

Horário de Atendimento: 12:00 - 17:00

Youtube    Facebook    Instagram
CFW Agência de Internet