Prefeitura Municipal de Guarapuava
Curso de Economia Solidária capacita mais de 40 empreendedores guarapuavanos
economiasolidaria (83)

“A partir de agora muitas oportunidades vão se abrir, vamos empreender mais”, disse a feirante Ana Lúcia de Freita, que concluiu a 1º Capacitação em Economia Solidária, oferecida nesta semana pelas secretarias de Agricultura e de Políticas Públicas para as Mulheres, de Guarapuava. O curso capacitou 44 novos empreendedores que, nesta quinta-feira (18), receberam a certificação. “Estimulando a economia solidária estamos pensando no coletivo. Eu acredito nessa proposta, principalmente, por ser uma forma colaborativa de trabalho, que desenvolve o grupo empreendedor, através dessa rede criada. Precisamos cada vez mais de empreendedores fortalecidos para seguirmos avançando em Guarapuava”, afirmou o vice-prefeito, secretário de Obras e de Turismo, Itacir Vezzaro.

Em Guarapuava, o curso foi ministrado pela coordenadora do projeto de Economia Solidária de Apucarana, Terezinha Elizabete Berton. Os cinco anos de experiência do programa foram repassados às participantes guarapuavanas através da promoção do cooperativismo e do fomento de empreendimentos solidários. Além disso, formas de utilizar esse modelo econômico de trabalho e renda também foram discutidas abordando pilares como comércio justo, sustentabilidade, consumo consciente e auto gestão. “A palavra que resume nosso encontro é gratidão! Estou muito orgulhosa e honrada por partilhar essa troca de saberes, onde atingimos todos os objetivos propostos. Levo dessa cidade linda e de um povo acolhedor muito aprendizado”, declarou a coordenadora do projeto.  Os pilares apresentados no curso foram fundamentais para que a artesã Lucrecia Rosalina de Lima ganhasse confiança para ousar no mercado empreendedor. “Muitas coisas que eu tinha dúvida foram explicadas e abriram novos horizontes. Acredito que após essa capacitação eu conseguirei trabalhar de uma forma melhor e empreender mais”, afirmou a artesã.

Para a secretária de Políticas Públicas para as Mulheres, Priscila Schran, o curso é uma ferramenta para que diversos participantes tenham condições de tornar possível a realização de seus sonhos. “Essa formação veio justamente para aproximar nossos empreendedores, mostrar como todos têm muitos talentos e que, em unidade, serão ainda mais fortes. Essa aproximação e fortalecimento através da rede solidária, desenvolve as pessoas como comunidade e gera compromisso. É nisso que acreditamos”, enfatizou a secretária.

A partir da conclusão do curso, os participantes estão aptos para formar a rede de economia solidária em Guarapuava e pleitear a comercialização de seus produtos em espaços públicos da cidade. “Muitas pessoas que participaram desse curso não têm a oportunidade de vender sua produção em locais públicos. A partir da abertura com essa rede solidária,  elas se fortalecem para tornar possível a comercialização de seus produtos das mais diversas áreas e atividades”, destacou o secretário de Agricultura, Ademir Fabiane.

Devido ao sucesso do curso, as secretarias já articulam a 2ª edição do curso de Economia Solidária, em Guarapuava, para este ano.

Publicado em: 19/07/2019



Gostou desta matéria? Então Compartilhe!

Voltar

Rua Brigadeiro Rocha, 2777 - Centro, CEP: 85010-210 - Guarapuava - Paraná - Brasil

Fone: (42) 3621-3000

Horário de Atendimento: 12:00 - 17:00

Youtube    Facebook    Instagram
CFW Agência de Internet