Notícias

Com inverno, acolhimento de moradores de rua é intensificado em Guarapuava

12/07/2019

“Hoje vou ter uma cama quentinha para dormir.” As palavras são de um morador de rua atendido nessa semana pela equipe multidisciplinar da Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social, juntamente com o Creas (Centro de Referência Especializado de Assistência Social). Os atendimentos são trabalhos constantes da Secretaria, que possui 10 técnicos realizando rodízios diários em bairros e no centro da cidade para acolher pessoas em situação de vulnerabilidade. “Nossa ronda é diária, mas em dias com temperaturas mais baixas nós intensificamos as ações para que possamos acolher mais pessoas que precisam”, comentou a assistente social do Creas, Elizangela Vaz do Nascimento.

Após a abordagem, os moradores ou famílias são convidadas ao acolhimento no Albergue Noturno Frederico Ozanam, onde podem permanecer por três noites. O período ainda pode ser ampliado, conforme necessidade identificada pela equipe do Creas, que acompanha as pessoas desde sua chegada até a saída do local.“A maior dificuldade é que nem sempre as pessoas atendidas aceitam esse acolhimento. Nesses casos, oferecemos outras formas de cuidado, como a doação de cobertores e agasalhos, por exemplo”, explicou a assistente.

Pessoas de outros municípios, que estejam de passagem e sem lugar para ficar também são atendidas. Nestes casos, após o pernoite no Albergue, o Creas entra novamente em ação, para acompanhamento e solicitação de um retorno seguro até a cidade de origem dos atendidos, como ocorreu com o morador de rua no atendimento desta semana. Após 12 anos longe, ele poderá retornar ao seu lar. “Fiz muitos amigos, mas dormindo no Albergue fico mais sossegado e seguro. Estou feliz por poder voltar para minha cidade”, concluiu o morador.

O Albergue tem capacidade para 45 pessoas e recebe homens, mulheres e famílias. As rondas da equipe da Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social ocorrem entre às 17h30 e às 8h durante a semana e com plantão 24h nos fins de semana. Para casos de emergência, Polícia, Bombeiros e Unidades de Saúde também acionam a equipe da Secretaria para prestação de atendimento.

Publicado em: 12/07/2019